Artigos Sobre Aumentar o Pênis

Diferença entre Suplementos Naturais e Remédios Convencionais?

go

Neste artigo vais conhecer as principais diferenças entre os suplementos naturais e os remédios convencionais, como funcionam os suplementos para tratar ou prevenir certas doenças e as suas principais vantagens.

Os suplementos para aumentar o pênis, assim como todos os outros, funcionam de uma maneira diferente dos remédios convencionais. Funcionam mais lentamente, mais a longo prazo, tanto para tratar como para prevenir, mas não apresentam os efeitos secundários que os remédios convencionais apresentam – esta é a sua maior vantagem.

Vamos dar como exemplo a gripe, uma doença muito comum que nos bate à porta todos os anos, principalmente nas zonas mais frias e não tem uma cura especifica.

Há duas maneiras de controlar a gripe: uma é com os suplementos naturais, fortalecendo o nosso sistema imunológico antes da doença aparecer para que ela não consiga nos afetar ou, pelos menos, para que os sintomas sejam ligeiros e fáceis de suportar.

A segunda é com remédios convencionais que tomamos depois de estarmos doentes, para minorar os sintomas da doença.

Visto ser uma doença que não tem uma cura especifica ambos os métodos são eficientes.

Suplementos Naturais Vs Remédios ConvencionaisMas diz-me uma coisa: é melhor fortalecer o nosso sistema imunológico, com a ajuda de alguns suplementos feitos de extratos herbários, minerais e vitaminas e não chegarmos a ser infetados, ou tentar minorar os sintomas com remédios convencionais depois de doentes e passar vários dias a sofrer? Acho que a resposta é simples!

Este exemplo é apenas para demonstrar a diferença que existe entre os suplementos naturais e os remédios convencionais, em que uns são mais específicos para prevenir as doenças e outros para as curar. No entanto no caso da gripe ambos são eficientes e sem efeitos secundários.

No entanto há doenças, ou situações, como o aumento peniano, em que as coisas já não são tão simples e os suplementos naturais oferecem grande vantagem em relação aos remédios.

Quando se trata de tratar qualquer doença ou condição a maior diferença entre os remédios convencionais e os suplementos naturais tem a ver com a doença.

Numa doença aguda, que precisa de um tratamento forte, mas rápido, que dura por norma poucos dias, os remédios convencionais são mais eficientes, pois como são mais fortes conseguem curar a doença num espaço de tempo mais curto e, como o tratamento é curto os efeitos secundários serão poucos ou nenhuns.

Já numa doença ou condição que requer um tratamento longo, de vários meses, os remédios naturais são muito mais vantajosos, porque embora demorem mais tempo, atuam de uma maneira em que incentivam o nosso próprio corpo a curar-se a si mesmo, portanto sem efeitos secundários perigosos, como o que aconteceria num tratamento tão longo com remédios convencionais.

Como o aumento do pênis é um tratamento longo, que requer longos meses até atingirmos os nossos objetivos, os remédios naturais são os mais indicados. Tanto mais que não existem remédios convencionais para aumentar o pênis, e mesmo os suplementos naturais são poucos os que são realmente efetivos.

Outra coisa que os suplementos naturais são muito utilizados é na prevenção das doenças. Muitas pessoas, que aderiram a este modo de vida sem químicos, utilizam os suplementos naturais para se fortalecerem e prevenirem contra as doenças mais comuns, por norma tomando suplementos que fortalecem o nosso sistema imunológico.

Outras, que sofrem regularmente com certas doenças crônicas, ou esporadicamente com algumas doenças que as atacam frequentemente, utilizam também os suplementos naturais para prevenir ambas, ou para controlar os sintomas das doenças crônicas sem terem que recorrer aos remédios.

Benefícios dos suplementos naturais

Benefícios dos suplementos naturais.

  • Os suplementos naturais podem ser tomados durante tratamentos muito longos sem apresentarem efeitos secundários perigosos ao organismo.
  • Os suplementos naturais incentivam o nosso organismo a curar-se a si mesmo, ou a incentivarem determinados benefícios a longo prazo, como é o caso de aumentar o pênis, aumentar as mamas e outras situações idênticas que não são propriamente doenças.
  • Os suplementos naturais, quando tomados durante longos períodos conseguem mudar o nosso organismo, tornando-o mais forte ou incentivando de uma maneira natural e isenta de efeitos secundários, algumas características secundarias do nosso corpo, como as mencionadas no ponto anterior.
  • Os suplementos naturais podem ser tomados como medida de prevenção contra quase todo o tipo de doenças, quer utilizando suplementos específicos para prevenir certo tipo de doenças, como suplementos mais genéricos, que têm por objetivo fortalecer o nosso organismo e assim prevenir a maiorias das doenças de nos atacarem.

Os benefícios dos remédios convencionais

  • Os remédios convencionais são mais rápidos, e por norma mais eficientes, a tratar doenças agudas, que precisam de um tratamento rápido e forte.
  • Os remédios convencionais permitem curar certas doenças mais severas, que embora os suplementos as possam prevenir, quando são apanhadas dificilmente conseguem ser curadas com suplementos.
  • Os remédios convencionais, principalmente os mais recentes, permitem curar certas doenças que os suplementos não conseguem, onde os suplementos só podem ser usados para aliviar os sintomas.

O perigo dos suplementos naturais

O perigo dos suplementos naturaisOs suplementos apresentam muitos poucos perigos desde que sejam tomados nas doses indicadas, pois algumas das ervas utilizadas como tratamentos naturais são venenosas quando tomadas em concentrações muito altas ou em conjunto com outras que possam incentivar o efeito de ambas.

O maior perigo dos suplementos naturais é a probabilidade de serem falsos e, portanto, ineficientes. Ou serem contrafeitos (imitações dos suplementos verdadeiros) que neste caso podem ser muito perigosos, pois não sabemos qual é a sua verdadeira composição. Daí a necessidade de apenas encomendar suplementos de fontes que sejam confiáveis.

Como os suplementos não passam pelas agências internacionais de controlo dos medicamentos a probabilidade de haver no mercado suplementos falsos ou contrafeitos é mais elevada que no caso dos medicamentos.

O perigo dos remédios convencionais

Os remédios convencionais apresentam basicamente dois grandes perigos: o primeiro é os efeitos secundários que apresentam para o organismo num todo, mesmo nos tratamentos curtos, mas principalmente nos tratamentos de longa duração.

Enquanto os efeitos secundários nos tratamentos de curta duração, mesmo quando severos são por norma recuperáveis em pouco tempo após o fim do tratamento, os efeitos secundários de alguns tratamentos mais longos podem ser irreversíveis.

O segundo é também as contrafações, quando são comprados fora das farmácias na tentativa de poupar algum dinheiro. Ao contrário do que muitas pessoas pensam os remédios convencionais de elevado custo apresentam muitas falsificações, que quando consumidos são muito mais perigosas do que as dos suplementos.

Conclusão

Como podes ver tanto os suplementos como os medicamentos têm as suas vantagens e desvantagens, mas podem ser utilizados ambos de acordo com os nossos objetivos.

Embora os suplementos naturais sejam por norma melhores para a saúde há situações em que os remédios são mais eficientes. Á que saber identifica-las e utilizar ambos da melhor maneira possível.

Resumindo: os suplementos são mais apropriados para serem usados como prevenção e em tratamentos mais longos, enquanto os medicamentos são mais indicados para a cura de doenças que requerem tratamentos rápidos e fortes.

x

go



 
Artigos Relacionados